Beijos e abraços

O ecrã do computador tem uma função semelhante à da varanda da Julieta, simplesmente proporciona-nos o contacto com mais do que uma pessoa, enquanto Julieta só tinha acesso ao seu amado Romeu. Há, no entanto, muitas histórias que acabam bem e a facilidade de comunicação através da internet permite criar laços, estabelecer conversações que de outra forma não seriam possíveis.

Ler mais

As feridas tardam em sarar

Não há como esquecer. As marcas das feridas não desaparecem. Permanecem ocultas, mas estão lá. Mais intensa do que a dor da rejeição, é a dor da indiferença. Sentirmos que aquilo que somos, aquilo que sentimos, que a nossa capacidade de dar e de entrega não comove aqueles que estão perto de nós e que, acreditamos, nos amam.

Ler mais

O salário mínimo

Ficamos a saber que o governo mantém o compromisso de aumentar o salário mínimo em 2019. É uma boa e importante notícia.
Portugal é dos países europeus, se não mesmo o que tem o salário mínimo mais baixo. O tema produtividade deixou há muito de ser argumento. Assim haja acordo na concertação social. Mas em si mesma, a intenção do executivo é um compromisso e um sinal positivo para os trabalhadores, que mesmo com baixas qualificações, vivem no limiar da pobreza.

Acha que se vai cumprir o compromisso?

Judite Sousa

Ler mais

Dois anos de Marcelo

Fiz parte do milhão e 600 mil espectadores que, em média, viam todos os domingos Marcelo no Jornal das 8 da TVI.

Fiz parte do milhão e 200 mil espectadores que, em média, viram a primeira entrevista do Presidente Marcelo Rebelo de Sousa, ao fim do primeiro ano de mandato.

Ler mais

A idade já não é o que era

Aquela frase feita de que a idade não perdoa é já passado. As marcas do tempo são hoje resolvidas facilmente, desde que exista bom senso ao contrariarmos a passagem dos anos. Quando conseguimos envelhecer bem, mantendo-nos confortáveis com a nossa imagem e assumindo sem complexos a idade, estaremos no caminho certo. O corpo é importante, mas a cabeça é muito mais: independência, maturidade, liberdade para poder agir, não estão ao alcance de todas as mulheres. Esse é um dos maiores problemas que se coloca à sociedade portuguesa, onde perduram  grandes diferenças de género.

Ler mais

O poder dos media

A importância e a influência da comunicação social, bem como das redes sociais, é cada vez maior porque interferem decisivamente ao nível da opinião que elaboram e das opiniões que suscitam.
Se o veículo utilizado for a televisão, então essa influência, por via da força da imagem, tenderá a ser muito mais marcante.

Deixe o seu comentário!

Judite Sousa

Ler mais