O vídeo

Foi assim o lançamento de “Não me olhes com esse tom de voz”, na sexta-feira, dia 28 de setembro, na Fnac Colombo. Obrigada a todos os que me acompanham e estiveram presentes.

Ler mais

As minhas palavras

novo livro judite sousa

Um dos maiores pensadores do século passado, o historiador marxista Éric Hobsbawm definiu o século XX como o pequeno século XX, começando em 1918, no fim da primeira grande guerra, e terminando em 1991 com a implosão da União Soviética.
Tudo mudou desde então e vivemos hoje num mundo de incertezas.

Ler mais

Não me olhes com esse tom de voz

novo livro judite sousa

É hoje o lançamento do livro escrito em co-autoria com a médica Maria do Céu Santo sobre o amor e as relações no mundo de hoje. É um livro que deve ser lido por mulheres e homens, se possível lado a lado.

Será às 18 e 30 na Fnac Colombo.

Espero que gostem.

Ler mais

Não há segredos

emancipação da mulher

Com a emancipação da mulher, nomeadamente através da independência económica, da sexualidade e do acesso ao ensino, a liberdade de escolha facilitou muito o início das relações amorosas, mas o que começa da forma mais fácil tem vindo a tornar-se mais difícil de manter.

Ler mais

Amor, presente e passado

judite sousa

É frequente ouvirmos dizer que o amor já não é vivido como antigamente ou que o casamento está em crise, sem atendermos ao que realmente mudou nos últimos 50 anos e seguramente para melhor.
As pessoas continuam a querer amar e a desejar ser amadas, a querer partilhar a vida, mas de forma diferente do passado.

Ler mais

A palavra e o silêncio

silêncio papa bento XVI

Quem melhor refletiu sobre a relação entre o silêncio e a palavra foi o Papa Bento XVI, numa mensagem que dirigiu aos fiéis no dia mundial das comunicações sociais a 24 de Janeiro de 2012. Disse ele:

Ler mais

Os caminhos do coração

sofrer do coração

É fácil exprimirmos o que sentimos sobre o amor. Mais difícil é realizarmos o amor nas nossas vidas. O caminho está cheio de espinhos e, se há algo desafiante, é o relacionamento humano, nesta dimensão mais profunda. Sei que os caminhos do coração são exigentes e, por vezes, provocam-nos sofrimento.

Ler mais

Existir para Amar

camilo castelo branco

Homens e mulheres foram feitos para se amarem não de uma forma trágica, como em muitos livros do Camilo ou do Eça, mas para desfrutarem esse sentimento com paixão, cumplicidade, partilha, respeito e prazer.

Concordam?

Ler mais