Da ciência ao Amor

ciência e amor

Num ensaio notável, Luís Portela escreve:

Existe algum desequilíbrio na postura de um considerável número de seres humanos, muito focados no mundo físico, no ter e no parecer; dando uma importância menor aos valores universais, ao ser, à vida espiritual. Por isso, muitas pessoas defendem actualmente a necessidade de a Humanidade rever os interesses por que se move, criando condições para se focar mais nos referidos valores universais e para viver em sintonia com eles.

Ler mais

Ainda as redes sociais

redes sociais

Os meus leitores, através dos seus comentários, deram-me novas pistas para regressar a este tema. De facto, não podemos estar fora das redes sociais. A grande questão é o que fazemos com elas e vice-versa.

Ler mais

Ainda sobre a Felicidade

os melhores livros para ler

Estou a ler um livro extraordinário. É uma breve História da Humanidade e tem um capítulo sobre a felicidade. Nele se diz, entre outras coisas, que a felicidade não depende de condições objectivas de riqueza, de saúde… depende de uma correlação entre condições objectivas e expectativas subjectivas, o que torna tudo muito mais difícil.

Qual é a vossa ideia sobre a felicidade ?

Ler mais

O Poder das Palavras

As palavras que utilizamos mostram muito daquilo que somos. O escritor Rudyard Kipling dizia que as palavras são a droga mais potente que a Humanidade utiliza.
Podem ser uma droga e um bálsamo – alimentam ódios e vinganças, vícios e pecados, mas também apaziguam e confortam.

Concorda?

Judite Sousa

Ler mais