Trump tem coração?

Johh Moore

As imagens de crianças num choro compulsivo, gritando pelos pais, separadas à força das famílias, trazendo-nos à memória tempos de guerra, percorreram o mundo. E o choque, o repúdio, a comoção fizeram-se ouvir em todas as latitudes. O Papa condenou a crueldade de Trump. As Nações Unidas, igual. E os Republicanos no Congresso mostraram um cartão vermelho ao Presidente. Trump acabou por ceder e assinou um decreto autorizando a reunião das famílias migrantes. Sabe-se que desde abril, cerca de duas mil crianças foram separadas dos pais nos EUA. São estas as consequências das políticas de tolerância zero. O caso de Itália, que se recusou a receber os migrantes do navio Aquarius, veio também mostrar-nos que o mundo está a ficar muito perigoso!

Judite Sousa

Partilhar

Comentários

Artigos de interesse