Da ciência ao Amor

ciência e amor

Num ensaio notável, Luís Portela escreve:

Existe algum desequilíbrio na postura de um considerável número de seres humanos, muito focados no mundo físico, no ter e no parecer; dando uma importância menor aos valores universais, ao ser, à vida espiritual. Por isso, muitas pessoas defendem actualmente a necessidade de a Humanidade rever os interesses por que se move, criando condições para se focar mais nos referidos valores universais e para viver em sintonia com eles.

Ler mais

Os “corredores do insulto“ nas redes sociais

fake news

Há quem utilize as redes sociais para escrever o que há de mais inenarrável: fake news (notícias falsas), afirmações difamatórias e caluniosas. Alguns utilizam perfis falsos para o fazer em manifestos atos de cobardia. Mas atenção porque já há jurisprudência sobre falsidades que destilam ódios e invejas nas redes sociais.

Ler mais

A voz de Cleópatra

Cleópatra

Cleópatra, mais do que bela, seduzia através da sua presença de espírito e da sua voz – quando a sua voz se erguia, todos pasmavam a escutá-la.

Cultivar a voz doce é importante, principalmente, no nosso NOME.

Ler mais

Os dias do calendário

passado

À medida que vamos rasgando os dias do calendário e o tempo passa, vamos dando mais valor ao que já tivemos, sem perceber ou sem vontade de perceber. Geralmente, só depois de sermos pais é que reconhecemos e damos valor ao que os nossos fizeram por nós durante a infância e a juventude.

Ler mais

A sedução é proporcional à beleza?

sedução

Não há respostas consensuais. O filósofo espanhol Ortega y Gasset dizia que “raramente a beleza que atrai coincide com a beleza que enamora”.
Para uns, ser sedutor ou sedutora consiste em conseguir o que desejam utilizando estratégias mais ou menos elaboradas.

Ler mais

Eu, Tu e Nós

envelhecer

Deve-se viver com alguém com quem não se tenha receio de envelhecer. Cada pessoa evoluiu ao longo do seu trajeto de vida, fruto da interatividade com a sociedade em que está inserida, com crescimento, maturidade, sonhos não realizados, frustrações e desafios a que está permanentemente submetida.

Ler mais

Pós-modernismo e Pós-Verdade

mundo

Nos anos 90, Woody Allen disse que o mundo podia ser horrível, mas ainda era o único lugar onde se poderia comer um bife decente. Nos anos 2000, Cyfer, o personagem de Matrix que decide voltar para o mundo da ilusão, afirmou: “a ignorância é uma bênção”.

Ler mais

O Super-Juiz

sergio moro

Foi penoso assistir hoje a alguns comentários sobre a escolha do super-juiz Sérgio Moro para ministro da justiça do governo de Jair Bolsonaro.
Bolsonaro disse coisas inacreditáveis durante a campanha eleitoral. Mas comparar o “fascismo” do século XXI ao de 1930 do século XX é não saber nada da moderna ciência política.

Ler mais

Democracia

A realização de eleições não é mais suficiente para garantir a democracia.

 

David Runciman, autor do livro “Como a democracia chega ao fim”.

Concorda?

Ler mais